08 julho 2016

Poesia nossa de cada dia



Bahia de pele em flor




É na Bahia de todos os orixás
que a juventude negromestiça se move,
se articula, gesticula e se transfigura
Essa blackitude baiana
como dizia o poeta Waly Salomão
tem leveza, jogo de cintura
apesar de toda amargura.

Esse jeito de corpo, esse linguajar
aflorando em todos os becos e vilas
Essa fala cantada de ginga verbal
é o jogo de sonoridades e sentidos
batendo firme e fundo
Essa onda de baianidade  nagô
na nossa Bahia de pele em flor (Guto)







Iguais e diferentes

Somos todos iguais e, ao mesmo tempo, diferentes
alguns fazem poesia, outros lamentos
e muitos poucos fazem coisas surpreendentes.

Diferimos uns dos outros pela estatura,
pela pele clara, morena ou mesmo escura
e até mesmo pela magreza ou por muita gordura.

E o sentimento de amor chega para todos
uns bem mais, outros muito pouco
mas quando chega deixa qualquer um torto.

Mas quando se ama faz qualquer loucura
uns para o bem, outros pela tessitura
é a imperfeição do amor mesmo com candura.(Guto)


Mulher e homem


Mulher é pura emoção
homem é voltado à razão
mulher vive sempre a sofrer
homem só quer vencer
mulher sonha em amar
homem só pensa em transar
mulher está à beira dos nervos
homem sobrevive nos guetos
mulher só quer ser feliz
homem vive sempre por um triz
mulher é cheia de formas
homem é apenas reforma
mulher é como círculo
homem é linha reta, testículo
mulher é divina
homem é disciplina
mulher é vida, é cor
homem é estandarte, incolor
mulher é hormonal
homem é social,
mulher é radiante
homem é escaldante,
mulher é furacão
homem é solução
mulher é interrogação
homem é ação
mulher é musical
homem é tradicional
mulher fala
homem cala
mulher sonha
homem se enfronha
mulher quer
homem mulher.

Homem tem desejo constante
mulher tem orgasmo incessante
homem chega ao clímax num instante
mulher passa por orgasmo multiplicante
homem tem instabilidade
mulher tem irritabilidade
homem tem desejo sexual
mulher descarga hormonal
mas o melhor do homem e mulher:
estejam abertos a todas surpresas
e suas múltiplas expressões
a vida assim é como vulcão
explode a qualquer momento de ação
e hoje sensibilidade tanto
no homem como na mulher
a humanidade assim o quer. (Guto)




0 Comentários:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home