06 maio 2016

Altos e baixos de um país em crise (02)


Abandono

Militantes do nível de Arruda Sampaio, Heloisa Helena, Carlos Nelson Coutinho, Frei Beto, Leonardo Boff. Helio Bicudo e tantos outros expoentes já abandonaram o PT há anos. E o ator Juca de Oliveira disse: “O PT foi a maior decepção que o Brasil já teve”.

Assassinato

O segundo volume do livro Assassinato de Reputações (Matrix, 2016), de Romeu Tuma Jr, acusa Lula e seus companheiros de ter sido informante do Dops durante a ditadura militar,
quando teria obtido, entre policiais, o codinome de Barba. Tuma denuncia ainda o envolvimento de petistas com o assassinato do prefeito Celso Daniel, considerado um ato político e não um crime comum. O jornalista JC Teixeira Gomes afirma em sua coluna de A Tarde (09/04/2016) que “no fim do golpe de 64 houve a suspeição de que Lula foi uma espécie de `cria´ do general Golbery do Couto e Silva para neutralizar a ascensão política de Brizola (...) Inegável também que Lula nunca se recusou a aceitar alianças com reacionários marcados como Maluf, Calheiros, Sarney e Collor de Mello, entre outros”.

Acusações

Na Itália depois de três anos da Operação Mãos Limpas, aumentou as acusações de abusos nas investigações. Essas acusações nunca se comprovaram, mas serviram para reduzir o apoio da opinião pública à operação e permitir uma reação do sistema corrupto. Assim, foram aprovadas leis contra a investigação. Uma delas proibia a prisão preventiva por corrupção, que foi chamada de salva-ladrões. Este é o risco que nós corremos. Quem informa é a jornalista Miriam Leitão em sua coluna “País em Chamas” (Correio, 18/03/2016).

Crise fiscal

Todos sabem que houve dinheiro desviado da Petrobras na sustentação da base de apoio do governo, e no financiamento de campanha. Se Dilma nada sabe “ela deveria deixar o cargo, espontaneamente, por inépcia”, informa a jornalista Miriam Leitão (Correio – 20/03/2016). A acusação central do impeachment é ter a presidente cometido crime fiscal. Quando Dilma nomeou Lula para a chefia da Casa Civil, sabia que estava blindando-o.


Provas

Muitos petistas fanáticos vociferam que acusam Lula sem provas. “Que provas são hoje necessárias para confirmar o sinistro pacto do PT com os partidos que ajudaram a roubar o Brasil, produzindo os rombos do mensalão? Ou o mais sinistro ainda do PT com os empreiteiros que, durante anos, vinham assaltando a Petrobras?”, pergunta o jornalista JC Teixeira Gomes (A Tarde, 26/03/2o16). E lembra que o Tribunal de Nuremberg acusou Hitler e demais chefes nazistas de responsáveis pelo extermínio dos judeus, apesar de nenhum deles ter deixado um único documento autorizando o Holocausto. O mesmo aconteceu com a Justiça dos EUA para meter na cadeia o mafioso Al Capone.

Exposição

O jornalista Carlos Di Franco mostra como a divulgação dos grampos deixaram escandalizados a tropa petista: “Enlouquecidos com o poder, Lula e os companheiros se mostram nos grampos em toda sua feiura moral. Debochados, grossos, cínicos, preconceituosos, arrogantes. Os melhores trechos são aqueles em que Lula e seus seguidores revelam o que eles têm por dentro: mentira e hipocrisia” (A Tarde, 28/03/2016).

0 Comentários:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home