27 novembro 2014

Cronologia dos personagens de desenho animado (3)



1940 (EUA) – Pica Pau. Criação de Walter Lantz. Um dos personagens de desenho animado mais
politicamente incorretos de todos os tempos. Enquanto a maior parte de outros personagens tentando fazer o bem, consertar as coisas e construir um mundo melhor, Pica Pau quebra o pau em todo mundo, se virava para comer e fazia de tudo para sempre se dar bem na vida. Ele apareceu pela primeira vez num desenho de Andy Panda chamado Knock Knock. O novo personagem fez tanto sucesso que obrigou Lantz a produzir um desenho exclusivo para o passarinho. Assim, em 1941, o Pica Pau ganhava seu primeiro desenho e começava a virar astro. Uma das características do Pica Pau é aquela risadinha estridente. Foi criada por Mel Blanc que fazia as vozes de toda a turma do Pernalonga. Blanc fez a voz do personagem até 1950, depois foi substituído por Grace Stafford, esposa de Lantz. Com a necessidade de uma produção maior, Walter Lantz começou a deixar a criação nas mãos de diretores como Alex Lovy e Shamus Culhane. Os últimos desenhos do Pica Pau foram produzidos em 1972, depois disso Lantz vendeu os direitos para o estúdio Universal que administra o
personagem até hoje.

1941 (EUA) – Super Homem (Superman). A Flescher produziu 17 episódios que durou até 1943. De 1967 a 1987, a Filmation produziu 68 episódios das Novas Aventuras do Super Homem. De 1988 a 1989 a Ruby-Spears produziu 13 episódios do Superman. E de 1996 a 2000 a Warner produziu 54 episódios de Superman: The Animated Series.

1943 (EUA) – William Hanna e Joseph Barbera ganham o Oscar do desenho com Tom e Jerry (MGM): Yankee Doodle Mouse (O Rato Patriota). No ano seguinte, nova estatueta pelo desenho A Caça ao Rato (Mouse Trouble). Em 1945, novo Oscar por Silêncio! (Quiet Please). Em 1946, outro Oscar para
O Concerto do Gato (The Cat Concert). Em 1948, O Orfãozinho (The Little Orphan) e em 1951 com Dois Mosqueteiros (Two Mouseketeers), e em 1952 com Ratinhos Valentes (Johann Mouse). Todos com a dupla Tom e Jerry. Foram sete Oscar.

1945 (EUA) – Pete Burness ganha dois Oscar pelos desenhos de Mr Magoo (UPA): When Magoo Flew (Quando Magoo Voou-1045) e Magoo’s Puddle Jumper’-1956).

1945 (EUA) – Gasparzinho, o Fantasminha Camarada. Criação do cartunista americano Jor Oriolo. Originou-se de uma brincadeira que Oriolo inventou, em meamos dos anos 30, para os filhos perderem o medo do escuro. Mais tarde, a ideia foi vendida por ele e o parceiro Seymour Reit para a produtora Famous Artists. Em 1945 a Famous lançava o primeiro desenho animado do personagem, O Fantasminha Camarada. O desenho fora lançado como um “one shot cartooon”, ou seja,
Gasparzinho apresentava um formato que iria mudar bastante ao longo de sua história. Era translúcido, com os olhos miudos e uma pequena cauda. Em vez de assustar as pessoas, ele quer fazer amigos, mas suas primeiras tentativas são sempre frustrados. Quando tenta se aproximar dos seres vivos, eles se assustam e fogem.

O segundo episódio surgiu em 1948: There’s Good Boos Tonight, e o terceiro, em 1949: A Haunting We Will Go. Em 1950, a série regular estreou trazendo mudanças que seriam definitivas: Gasparzinho estava completamente branco, o tamanho da cabeça diminuiu na mesma medida em que os olhos cresceram. E a cauda desapareceu. De 1950 a 1959, Gasparzinho reinou quase absoluto nas telas de cinema. De 1959 a 1969, as aventuras de Gasparzinho e sua turma foram ao ar na ABC, em diferentes horários e formatos. Em 1979, ele voltou à tevê, integrando a família Hanna Barbera. Uma discussão judicial, iniciada em 1982, por questões de direito autoral, deixou-o inativo até 1989. O jovem Jeffrey Montgomery comprou os direitos de todos os personagens da família Harvey e iniciou um processo de revitalização que foi coroado com o longas metragem Gasparzinho, produzido pela Amblin Entertainment, de Steven Spielberg em 1995.

1 Comentários:

At 6:11 PM, Blogger Marcelo Gonçalves said...

Olá, tenho uma empresa na qual uso o personagem pica pau como logo da empresa. Gostaria de saber se posso utilizar.
Atenciosamente
Marcelo

 

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home