08 novembro 2016

Gerações X, Y e Z. Aonde está você? (01)



Normalmente um período de um século comporta gerações distintas. Se olharmos para os últimos anos, vamos perceber claramente que várias transformações ocorreram nas últimas gerações, fazendo com que uma fosse diferente da outra. Vários estudos apontam a existência demarcada de cada uma, identificando algumas de suas características. Vamos lá:


Construtores (1901-1920): A geração maior, do impulsionador, da guerra, do herói. Os seniors

Silencioso (1921-1940): A geração do sanduíche, aquela que se confrontou com a depressão econômica mundial dos anos 1930 e, principalmente, com a Segunda Guerra Mundial.

Baby Boomers (1941-1950): Formada pelas crianças nascidas depois da Segunda Guerra e expostas a um mundo bipolar, à guerra fria e a um comportamento contestatório e de procura por uma vida melhor, com sonhos de consumo.

Geração Jones ( 1951 a 1960): Geração de pessoas nascidas entre os Baby Boomers e Geração X, isto é, aquelas pessoas que nasceram entre os anos 1950 e 1960. Eles são geralmente referidos como Jonesers ou como em GenJonesers.

X (1961-1971): A geração do amor, dos beatniks, hippies, geração perdida, geração da descoberta.

Y (1972-1982): Geração da Internet, o Google, conectado, neo-Disney

Z (1983 em diante ): Geração líquida, iGeneration, de MySpace, MyPod

Geração Baby Boomers - A geração nascida entre 1941 e 1950. Os “Baby Boomers” estão na liderança da maior parte das organizações. Este grupo inclui a maior parte dos executivos de topo, líderes e políticos, bem como a camada superior da administração na maioria das organizações. Foi a geração que protagonizou de uma ou de outra forma a grande aventura coletiva do pós-guerra, a nova ideologia libertária, a independência dos povos, a sociedade consumista, a segurança social, enfim um rol de atitudes e de acontecimentos sociais e políticos.








0 Comentários:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home